sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Blaze Bayley 13 01 2011 - Hard Rock Café - RJ

Assim como em 2009 e 2010, Blaze Bayley voltou novamente ao Brasil para dar início à 2ª parte da tour do álbum Promisse & Terror na América do Sul.

Por volta das 21:30hrs o que se via no local eram fãs chegando e alguns na fila para comprar ingresso. Ao entrar no Hard Rock Café, palco pronto só esperando a banda tocar. Eis que surge o Blaze no standing de merchandising já para autografar, tirar fotos e conversar com os fãs. Não é de hoje que Blaze demonstra toda sua humildade perante aos fãs. Alguns instantes depois começaram a surgir também alguns membros da banda para os toques finais nos instrumentos e autógrafos e fotos com os fãs.

Pouco depois das 23hrs surgem no palco Claudio Tirincanti (Bateria), Dave Bermudez e Jay Walsh (Guitarra), Nicko Bermudez (Baixo) e o Messiah! Dando início ao show, um dos mais novos clássicos de sua carreira solo: Blackmailer! Logo de início já se teria uma noção de como sería o restante do show.Em seguida Smile Back At Death do álbum The Man Who Would Not Die fez com que os fãs continuassem no mesmo entusiasmo. Faceless e City Of Bones do álbum Promisse & Terror não deixou ninguém parado.

Após a dobradinha, Voices From The Past caiu como uma luva no show e levou os bangers à loucura! Certamente uma das mais belas músicas escrita pelo vocalista.

Em seguida, a novidade da tour, a belíssima quadrilogia formada por Surrounded By Sadness/ The Trace Of The Things That Have No Words/ Letting Go Off The World/Confortable In Darkness deixou os fãs extasiados! Bela execução da banda!

Após a calmaría, veio Futureal que dispensa apresentação. Nítido o sorriso de Blaze ao ver o público enlouquecido!The Launch e Blood & Belief não deixaram o show esfriar em momento algum.

Após a dobradinha, Blaze foi em direção à platéia e exclamou a palavra “Freedom!” Não precisava apresentações, em seguida viria um dos seus maiores clássicos do Iron Maiden! Mas antes da música, Blaze falou aos fãs que Freedom era uma palavra que representa a banda. Sem gravadora, sem empresários, feito de forma independente, diretamente para os fãs. Com esse discurso, começou a belíssima The Clansman que fez o Hard Rock Café cantar em uníssono!

Após a brilhante execução de The Clansman, The Brave veio para animar os fãs mais antigos e Samurai fez novamente o público cantar energicamente com o vocalista.

A música auto intitulada do álbum The Man Who Would Not Die, mostra o poder da banda ao vivo. Simplismente destruidora, principalmente quando ao término dela é emendado logo Robot! Aí sim os fãs foram à loucura! São 2 músicas que em pouquíssimo tempo se transformaram em clássicos na carreira solo de Blaze.Para o final, foi reservada Madness And Sorrow, música poderosa que curiosamente abria a primeira parte da tour e a maior música já executada pelo Messiah: Man On The Edge! Com direito à alguns fãs mais exaltados subirem no palco e Blaze sorrir sem parar! Uma noite com saldo positivíssimo para os fãs. Um show de Heavy Metal extenso, pesado e com uma banda além de introsada, totalmente atenciosa com os fãs. Certamente Blaze cativa mais ainda os fãs que tem e ganha novos. Uma noite pra não ser esquecida pelos presentes!

Setlist:

Blackmailer

Smile Back At Death

Faceless

City Of Bones

Voices From The Past

Surrounded By Sadness

The Trace Of Things That Have No Words

Letting Go Off The World

Confortable In Darkness

Futureal

The Launch

Blood & Belief

The Clansman

The Brave

Samurai

The Man Who Would Not Die

Robot

Madness And Sorrow

Man On The Edge


6 comentários:

Diogo Oliveira disse...

Nunca o vin fazer um show ruim na vida, e dessa vez não foi diferente! Puta show, botou a casa abaixo!

Fernanda disse...

Foi sensacional msm! Partiu Macaé no sabado!

Anônimo disse...

pow kra Blaze é foda sem comentarios, o kra arrebentou sensacional msn.

Rafael Jank. disse...

Muito bom a resenha. Ficou muito bem feita! Sem dúvidas um show para ficar marcado em todas as mentes das pessoas que estiveram presentes!

Bruno Cunha disse...

"Com direito à alguns fãs mais exaltados subirem no palco e Blaze sorrir sem parar!"

Eu fui um deles... XD

Tamara Barcelos disse...

Sem comentários... show sensacional!!!